fbpx

Concurso de Moda Inclusiva

moda inclusiva
Abertura do desfile, secretária Emmanuelle Alkmin.

12074542_1012781375409242_9136898706162777854_nConcurso de Moda Inclusiva de Campinas chegou com a missão de desafiar os estudantes de moda a buscarem ideias inovadoras para facilitar a vida de pessoas com deficiência.Ele veio como uma grande oportunidade de se lançar novos estilistas ao criar peças de roupas para pessoas com deficiência.

Segundo a primeira-dama, “A sociedade de Campinas está quebrando paradigmas e lançando um novo olhar sobre a inclusão ao prestigiar o desfile. Quando se fala em moda inclusiva significa que, por meio da moda, as pessoas têm o direito de ir a todos os lugares, numa condição de igualdade, autoestima e bom gosto”,

Em sua primeira edição, um dos nossos alunos do curso técnico em moda Henrique de Lima da Silva, que anteriormente já havia ganhado outro concurso de moda inclusiva em 2014, ficou entre os finalistas. Este ano sua proposta foi um look mais esportivo, com um sistema que facilita qualquer pessoa na hora de se vestir, proporcionando agilidade e conforto, seja seu cliente alguém com baixa mobilidade, com prótese, eu ou você.

Segue um vídeo com uma matéria “Conheça a moda Inclusiva”, onde com Henrique, fala um pouco mais sobre as suas criações.

moda inclusiva 2
Juízes, do 1º Concurso de Moda Inclusiva Campinas
12162779_577118435774814_1889388486_o
Professor Tiago Negrini e Henrique de Lima da Silva

Nosso professor Tiago Negrini foi um dos juízes, e neste vídeo ele ressalta a importância concurso.

O evento Moda Inclusiva, tem como objetivo em meu olhar, ampliar os horizontes do consumo de moda… Este por si só, nos faz pensar sobre as possibilidades em desenvolver produtos, pensando em qual tipo de consumidor. De fato, sinto-me honrado em participar da banca do primeiro evento de moda inclusiva na cidade de Campinas, onde pude vivenciar, questionar, argumentar sobre esta iniciativa tão positiva.

Segundo a secretária Emmanuelle Alkmin, “a partir de agora, pessoas com deficiência passam a utilizar a linguagem da moda para se expressar no dia a dia. Com a moda inclusiva, que alia beleza e utilidade, é possível fazer com que pessoas sejam só pessoas, podendo expressar sentimentos”

Escola Pró-Arte© 1981 - 2019
X