fbpx

“Eu faço Cartoon”, uma entrevista com Anne Narumi Kuno.

Anne, você é artista? “Não tanto, eu não sou artista… para mim é normal… eu faço cartoon”. Entre rabiscos e desenhos, papel e lápis sempre em mãos, a pequena Anne, menina de um brilho incomum no olhar, parece crescer na companhia dos seres fantásticos que nascem da sua imaginação infantil: personagens de olhos expressivos e cabelos espetados típicos de Mangá. De personalidade tímida e postura determinada, ela já demonstra uma percepção da vida própria dos artistas: a capacidade de se conectar com a visualidade do mundo. Algo raro e especial.

Anne, que começou a desenhar copiando os desenhos animados da televisão, desde muito pequena parece ter sido incentivada pela mãe a acreditar nos seus anseios criativos e, após se aventurar no desenho artístico, atualmente está apaixonada pelo universo das linhas e formas das histórias em quadrinhos. Mas ela revela que gosta mesmo é de desenhar animais e que durante muito tempo o pônei foi o seu tema favorito. Já imaginou, que fofura?

Anne Narumi começou os seus estudos na Escola Pró-Arte Campinas aos 7 anos de idade. A sua mãe, Elisabete Kuno, procurou por um curso de desenho artístico para a filha após a professora do segundo ano escolar perceber o crescente interesse da menina pelo desenho, pois em todas as suas aulas ela se dedicava não somente às tarefas escolares de rotina, mas também a rabiscar os seus cadernos. Hoje com 11 anos de idade, ela é aluna do curso de História em Quadrinhos da Pró-Arte e revela uma paixão especial pelo Mangá.

Os desenhos em preto-e-branco de Anne – ela não gosta muito de colorir – expressam o domínio técnico da aluna dedicada. Com uma rotina que inclui escola, aulas de tecidos acrobáticos e de inglês, perguntei a ela se todo o aprendizado na Pró-Arte fará diferença no seu futuro e ela respondeu prontamente que sim, que gostou muito do que aprendeu, do ambiente, professores e colegas, mesmo dos que falam muito (risos). Ela diz que talvez seja artista quando crescer e que sonha em trabalhar com Animê. Anne já tem planos de continuar os seus estudos na Pró-Arte, e pensa em cursar pintura digital e produção de games. Perguntei, por fim, “Anne, defina a Pró-arte em uma palavra”, no que ela me respondeu: “CRIATIVIDADE”.

Anne Narumi

Desenho de Anne aos 4 anos de idade

Desenho do Monteiro Lobato feito por Anne aos 6 anos

Retrato de Monteiro Lobato

Desenho feito por Anne na sua primeira aula de desenho na Pró-Arte

Desenho em exposição na Pró-Arte em 2015

maio 5, 2017
Escola Pró-Arte© 1981 - 2019
X