fbpx

Paredes bicolores: 10 ideias para adotar a tendência

Técnica do passado ressurge com tons ousados

 

A ideia de pintar metade da parede de uma cor e metade de outra pode, à primeira vista, remeter ao passado, às casas de avós, aos casarões coloniais ou às escolas por onde passamos. Apesar desse inegável perfume vintage, uma vez que a inspiração vem das paredes cobertas até o meio com painéis de madeira chamados boiseries, a técnica da parede bicolor voltou com tudo e é capaz de adicionar caráter gráfico e muito contemporâneo à decoração.

 

Enquanto no passado as combinações mais comuns traziam tons diferentes da mesma cor – o mais escuro na parte de baixo e uma versão mais clara na de cima – atualmente a ideia é ousar: quanto mais contrastantes forem, melhor.
A altura da linha também faz toda a diferença. Quando posicionada mais abaixo, pode passar a impressão de um rodapé expandido, maior e mais dramático. Quando colocada no alto, cria uma moldura próxima do teto.

Seja para trazer um certo clima retrô ou para adicionar a ousadia dos dias atuais, as paredes bicolores são uma maneira fácil de injetar personalidade na decoração da casa. Veja abaixo alguns exemplos e inspire-se!

 

1. Ton sur ton com um toque de ousadia

Nesta sala de estar monocromática criada pela VtWonen, dois tons de verde foram eleitos para criar o efeito bicolor na parede em sua forma mais clássica. Ficou por conta da moldura da porta, pintada de azul, e das nuances mais profundas adicionar um toque de ousadia.

 

 

2. Parde de cima mais escura

Outra boa ideia para dar novos ares às paredes bicolores é colocar a cor mais escura na parte de cima, invertendo a lógica tradicional, como fez Jean Christophe Aumas em seu exuberante apartamento parisiense. Além disso, Aumas adicionou uma pequena faixa amarela entre os dois tons, criando um efeito lúdico.

 

 

3. Nuances muito contrastantes

O efeito dramático alcançado pela dupla Pella Hedeby e Marie Ramse neste home office foi causado pela escolha de duas cores muito contrastantes. Na parte de baixo, o preto não só pinta metade da parede como também as prateleiras e acessórios. Em cima, um suave tom de rosa quebra a escuridão.

 

4. Cores virtuais

Na sala de jantar criada pelo casal Sydney Krause and Fabrice Boutyo, a parede que foi pintada de azul na parte de baixo e de branco na de cima ganha novas cores com a aplicação de luminárias de néon. Neste caso, o rosa traz uma nova personalidade para o ambiente.

 

5. Cores inesperadas

A atmosfera retrô vai embora quando as cores eleitas para aplicar a técnica das paredes bicolores são vibrantes e ousadas, como no caso deste ambiente produzido pela Casa Vogue na Casa Modernista. O verde-água e o amarelo presentes no tapete tomam conta das paredes em um brincadeira entre o passado e o presente que deu muito certo.

 

 

6. Com a linha mais para cima

Ao deixar que a metade de baixo fique maior, a linha criada pelo efeito bicolor é deslocada para cima, resultando em um efeito dramático e muito elegante, como fez a marca sueca Jotun neste espaço. Aqui, os tons terrosos se aliam ao uso do veludo, outra tendência que está forte no mundo do décor

 

7. Da mesma cor do teto

Além de nuances do momento, como o atualíssimo cinza e o Millennial Pink, o ambiente criado pelo Estudio Dimore extrapola as paredes e toma conta do teto e do piso. Ousadia pura!

 

8. Linha lá em baixo, como um rodapé

Também criado pelo Estudio Dimore, este homme office cinza desloca a faixa inferior da parede bicolor lá para baixo, dando o feito de um grande rodapé. Um faixa dourada pincela sofisticação a mais.

 

 

9. Efeito que ultrapassa as paredes

Neste quarto orquestrado por Ghislayne Viñas, um tom esverdeado de amarelo, umas das cores tendência do inverno 2017, toma conta não apenas da metade da parede, mas também da cortina, do criado mudo e dos travesseiros. O efeito é de impacto e muito criativo.

 

 

10. Um pouco para cima!

Em vez de seguir até o piso, a faixa azulada desta sala criada pela Dulux permite que mais uma faixa branca seja criada, resultando em um efeito moderno que combina muito com a poltrona flúor do espaço.

 

 

Gostou dessa matéria? Venha até uma de nossas unidades conhecer os cursos na área de Design de Interiores.

Técnico em Design de Interiores

 

 

 

Matéria retirada do site casavoge.globo.com

maio 13, 2017
Escola Pró-Arte© 1981 - 2019
X